Publicado em 25 de abril de 2022

EMPREENDEDORISMO - Quem é mais feliz: empreendedores ou empregados?

25/04/2022
Brasil
Seu Crédito Digital

Com o passar dos anos, muitas questões relacionadas à saúde mental dos profissionais que atuam nas empresas têm ganhado espaço no mundo corporativo. Diante do caos da rotina, as atividades domésticas, despesas e outras pendências, as pessoas têm se tornado cada vez mais frágeis, com os níveis de felicidade impactados.

Um estudo realizado pela Baylor University e pela Louisiana State University pode concluir que, ao passo que o volume de pequenas empresas crescia, a saúde da comunidade ao redor se tornava melhor. Além disso, também foi possível observar que os empreendedores têm uma menor tendência a doenças físicas e mentais.

As pessoas que ganham bem são mais felizes?

Em uma pesquisa, a escola de negócios Wharton questionou aproximadamente 11 mil graduados sobre seus níveis de felicidade e renda, sendo possível observar que os que ganhavam mais estavam normalmente mais contentes com suas vidas.

No entanto, os ganhos não eram o maior indicador de felicidade, mas ser um empreendedor sim. Os graduados que comandavam seus próprios negócios se mostraram mais contentes, independente de quanto dinheiro recebiam com o empreendimento.

Afinal, os empreendedores são mais felizes que os empregados?

De acordo com a ciência, em média, os empreendedores se mostram mais saudáveis do que os indivíduos que trabalham como funcionários.

Essa constatação pode surpreender muitas pessoas, mas os empreendedores costumam ter pensamentos e um estilo de vida bem diferentes. É comum que os funcionários de empresas tenham receio de sair da zona de conforto e isso não deve ser alvo de julgamentos, uma vez que cada um tem necessidades a atender.

Qualquer indivíduo que não é um empreendedor e deseja ser mais feliz pode:


Receba nossa newsletter Fique sempre bem informado com a nossa newsletter!

Cadastre-se