Publicado em 20 de julho de 2022

E-COMMERCE - Conheça os três pilares que sustentam um bom líder de e-commerce

20/07/2022
Brasil
Ecommerce Brasil

A liderança é uma habilidade de múltiplas responsabilidades. Afinal de contas, é preciso estar antenado sobre as novidades do mercado, a realidade da empresa e como as equipes se relacionam. Todos esses cuidados são essenciais para manter em funcionamento a cultura organizacional do e-commerce. Ser um líder não significa apenas dar ordens, muito menos ser o mais popular ou o mais sábio.

O líder é uma pessoa humilde, segura, flexível e disposta a entender que o sucesso acontece quando a equipe trabalha em sinergia. Segundo David Rubenstein, cofundador do The Carlyle Group – fundo de investimento americano com aproximadamente US$ 3 bilhões em ativos no Brasil, participante de empresas como Tok&Stok e Ri Happy -, a lista para ser um bom líder inclui: trabalho árduo, foco, persistência, persuasão, compartilhamento de crédito, aprendizado contínuo, integridade e saber lidar com os erros.

O líder é uma pessoa humilde, segura, flexível e disposta a entender que o sucesso acontece quando a equipe trabalha em sinergia.

O empresário publicou a lista de atribuições com base na própria experiência e após entrevistar grandes líderes da sociedade, como Bill Gates, Jeff Bezos, Oprah, entre outros. As entrevistas podem ser encontradas na íntegra no livro “How To Lead: Wisdom from World’s Greatest CEOs, Founders, and Game Changers”, ainda sem publicação no Brasil.

Através dessa lista, é possível apresentar três pilares fundamentais para desenvolver uma boa liderança: organização, comunicação e transmissão. A organização envolve uma visão holística, considerando as metas e objetivos da empresa. Ao conhecer o atual cenário do e-commerce, o líder é capaz de refletir a longo prazo e desenvolver tarefas eficientes junto às equipes.

Uma boa organização ajuda na construção de uma comunicação clara, empática e objetiva. Dessa forma, líderes e liderados se sentem à vontade para falar, e ouvir, sobre o trabalho desenvolvido. Todos oferecem ideias, apresentam soluções e constroem uma relação que mantêm todos engajados em um objetivo comum. Deve ser uma via de mão dupla, com respeito em ambos os lados.

Um líder organizado que mantém uma boa comunicação está preparado para a transmissão de tarefas. Ele se sente pronto para conduzir uma solução, sem diminuir seus liderados, e sim o oposto – delega funções com base no cenário vivenciado. Dessa maneira, os colaboradores entendem a sua importância para a coletividade funcionar. O resultado é uma equipe forte, engajada e inspirada no modelo da liderança.

Compreenda por que o gerenciamento de tarefas é essencial para uma boa liderança

Mas, afinal de contas, como um gerenciamento de tarefas pode ajudar um líder? Simples, ele é o verdadeiro aliado para a manutenção dos três pilares da vida de um líder. No primeiro pilar, o gerenciamento colabora com a organização das tarefas e projetos, ajuda a construir métodos eficientes e oferece insights sobre as melhores alternativas para desenhar um fluxo de trabalho que faça sentido ao seu e-commerce. É possível listar as metas para verificar as prioridades e repensar novas metas.

As ações no e-commerce precisam de uma rotina para acessar informações relevantes sobre o funcionamento da loja virtual. O gerenciamento de tarefas é a solução para interligar essas informações aos colaboradores, considerando as principais métricas do e-commerce. Os dados organizados pelo gerenciador são importantes na comunicação da equipe e facilitam a compreensão do que está acontecendo na empresa.

E, consequentemente, a transmissão de funções, terceiro pilar da liderança, será mais eficiente. Isso porque a equipe será comunicada de atividades que lhes dizem respeito. Para completar, as tarefas são transmitidas em tempo real, com base nas metas preestabelecidas na etapa de organização, dividindo, com coerência, as responsabilidades.

Por fim, é possível reparar que o gerenciamento de tarefas está conectado nos três pilares que sustentam um bom líder de e-commerce, por isso é considerada fundamental.

A produtividade x o bem-estar no e-commerce

O mercado tem compreendido como o bem-estar gera impacto na produtividade e nos resultados. Depois da pandemia de Covid-19, algumas empresas entenderam que não se trata somente de benefícios oferecidos dentro e fora dos escritórios. Em empresas no Reino Unido, EUA, Canadá, Austrália e Nova Zelândia, por exemplo, implementou-se a semana de quatro dias de trabalho, sem redução de salário. Afinal de contas, um funcionário feliz aumenta a produtividade no trabalho.

Sendo assim, o líder sabe que a otimização do tempo é ainda mais importante, e o gerenciamento de tarefas se torna a ferramenta ideal para essa nova tendência, em que o tempo mostra-se precioso para os negócios e para a saúde do colaborador. Através dela, alia-se a produtividade e o bem-estar, com alertas automáticos que ajudam em respostas rápidas e precisas, bem como relatórios inteligentes que mapeiam todos os gaps do negócio.

Siga os próximos passos e seja um bom líder de e-commerce

Jeff Bezos, fundador da Amazon, afirmou que para ser um bom líder é preciso simplificar, assegurando que os problemas não sejam ignorados, e realizar as entregas de resultados em tempo hábil. Para isso acontecer, o líder precisa se posicionar como se fosse dono, transmitir confiança para sua equipe e reafirmar a importância dos clientes. Além disso, deve ser firme e curioso, dando oportunidade para as inovações.

Essas características estabelecem a presença marcante de um bom líder de e-commerce, sem se perder na dinâmica do dia a dia.

Agora que você sabe quais são os três pilares para um bom líder, reflita: qual é o reflexo de sua liderança em sua equipe? Para ajudar na resposta, considere as seguintes ações:


Receba nossa newsletter Fique sempre bem informado com a nossa newsletter!

Cadastre-se