Notícias Empresariais

Tweet

Avaliação de empresas sobre investimentos em 2014 piorou, diz FGV

RIO - As avaliações sobre a dinâmica dos investimentos em 2014 retratam a piora do ambiente de negócios neste ano, avaliou nesta terça-feira, 16, a Fundação Getulio Vargas (FGV), que anunciou os resultados do quarto trimestre da Sondagem de Investimentos. Em todas as quatro atividades (indústria, serviços, comércio e construção), o número de empresas que declararam ter reduzido investimentos foi maior do que no ano passado.





Na indústria, 31% dos empresários disseram ter reduzido gastos com investimento produtivo no ano passado, enquanto 38% aumentaram. Em 2013, essas fatias foram de 25% e 40%, respectivamente.





Já na construção, o pior resultado segundo a FGV, 24% das empresas diminuíram investimentos, e outros 26% elevaram esse tipo de gasto. Os números mostram deterioração em relação a 2013, quando 17% investiram menos e 33% desembolsaram mais.





No comércio, 12% dos empresários disseram ter investido menos em 2014, e a parcela dos que ampliaram esse gasto ficou em 42%. Em 2013, 6% haviam reduzido os investimentos, enquanto 49% haviam ampliado.





No setor de serviços, 15% das empresas diminuíram investimentos ao longo deste ano, mas 36% elevaram os desembolsos. No ano passado, essas fatias eram de 10% e 41%, respectivamente.





A Sondagem de Investimentos é um levantamento estatístico trimestral que fornece sinalizações sobre o rumo dos investimentos produtivos no setor industrial. A coleta de dados para a sondagem divulgada hoje ocorreu entre 6 de outubro e 28 de novembro. Foram ouvidas 3.866 empresas.


[ voltar a listagem de notícias ]