Notícias Empresariais

Tweet

Prazo para se regularizar no Simples acaba essa semana Saiba o que fazer

Mais de 220 mil empresas precisam se regularizar até o dia 31/01



Em tempos de crise, muitas empresas procuram soluções para pagar as dívidas. Os micro e pequenos empreendedores que optaram pelo Simples Nacional e possuem débitos pendentes precisam quitá-los até o dia 31 de janeiro (terça-feira da semana que vem).



Gerente da Prime Contabilidade, Gabriel Moretti alertou que regularizar a situação no prazo estipulado pela Receita Federal é algo de extrema importância para as empresas inseridas no regime.



 “Caso elas não renegociem as suas dívidas até o dia 31, não terão mais as vantagens do Simples. Isto pode gerar mais falências no Brasil, algo que prejudicaria a já lenta e difícil recuperação econômica do País”, ressaltou.



Entre os principais benefícios gerados pelo Simples estão a unificação da arrecadação de tributos municipais, estaduais e federais e a redução do custo trabalhista. “O processo e o controle contábeis também ficam mais fáceis com o regime”, disse Moretti.



Segundo números divulgados pelo Sebrae na última quinta-feira, 19/01, dos 299 mil pequenos negócios que perderam o direito ao Simples, cerca de 78 mil já aderiram ao parcelamento de até 120 meses. Ainda faltam 221 mil empresas regularizarem a situação. “Este regime é uma cápsula protetora dos empreendedores”, salientou o presidente do Sebrae, Guilherme Afif Domingos.



 “Quem ainda não renegociou a dívida, precisa procurar o seu contador o mais rápido possível. Ele irá analisar os seus débitos, as suas condições financeiras e escolherá o melhor parcelamento para a sua empresa. O pedido deve ser feito por meio do link https://www8.receita.fazenda.gov.br/SimplesNacional/. O empresário que não se regularizar a tempo só poderá voltar a usufruir do Simples em 2018", explicou Moretti.


[ voltar a listagem de notícias ]